Artigos

Furor legiferante
Uma regra que cabe bem na cultura política brasileira: governar é fazer leis. Continue lendo →...
“Transformismo”
O pluripartidarismo brasileiro, com voto proporcional aberto por Estado e um Senado funcionando como Câmara de Deputados, só poderia ter como consequência as relações políticas inorgânicas existentes. Continue lendo →...
Segundo turno
Uma eleição em dois turnos tem uma dinâmica própria. Em 1999, o Instituto Friederich Nalmann, da Alemanha, realizou em Montevidéu um seminário sobre os mistérios da "balotage" num quadro pluripartidário. Continue lendo →...
Internacional democrata
O movimento comunista, no século 19, criou uma organização internacional de partidos políticos: a Internacional Comunista -IC. A IC ia além dos debates político-ideológicos. Continue lendo →...
Ilusão de intimidade!
Numa consulta em 1992, Glorinha Beuttenmüller disse que a TV produzia uma intimidade entre expectador e "ator". E que isso valia para os políticos. Portanto, estes, no contato pessoal, deveriam retribuir esta intimidade. Continue lendo →...
Ruptura e desastre
Dois conceitos deveriam ser caros aos políticos. Um de Gladwell -"Tipping Point"- e outro tendo como referência a Teoria da Catástrofe de René Thom. Continue lendo →...
Choque e eufemismo
"Aurélio" diz que "choque" é o "embate; o encontro de dois corpos em movimento ou um deles em repouso; o recontro violento entre forças militares; a querela violenta, briga; conflito; luta". Continue lendo →...
Argentina x Brasil?
Os Jornais argentinos -"Clarín" e "La Nación"- publicaram, em dois dias, artigos questionando as relações entre os EUA e a América do Sul, pró-Brasil, e contra a Argentina. Continue lendo →...
Senado: causas da crise
É simplismo explicar a crise no Senado pelo desvio de conduta de funcionários ou senadores. Continue lendo →...
América Latina 2009!
Agrupemos os países da América Latina por previsibilidade política e estabilidade institucional. Continue lendo →...
Ken Starr e Joseph McCarthy
Escândalos envolvendo políticos são tão antigos quanto a própria história. Hoje esses registros, feitos com imagens, vozes e documentos gravados, são multiplicáveis ao infinito. Investigados e investigadores são atores deste drama. Continue lendo →...
Opacidade dos poderes
Os atos não publicados no Senado levantaram discussão sobre a transparência do setor público em todos os níveis. Continue lendo →...
A crise não pegou?
Após oito meses de uma grave crise econômica, a avaliação de Lula volta a crescer. O mais intrigante é a percepção dos brasileiros sobre a crise, que é melhor que em março. Continue lendo →...
Corte Suprema e autoritarismo
Na América Latina, o populismo autoritário sempre começa pela destituição da Corte Suprema. Continue lendo →...
É a economia, estúpido?
Por que razão a máxima "é a economia, estúpido", de Carville (assessor de Clinton na época), que relaciona a economia à política não atingiu Lula? Continue lendo →...
Reforma política!
A dificuldade imposta ao eleitor por nosso sistema eleitoral impossibilita pensar em qualidade do voto. Continue lendo →...
Floriano Peixoto e SP
170 anos do nascimento de Floriano Peixoto (30/4). Presidente de novembro de 1891 a 1894. Único oficial que participou do primeiro ao último dia da Guerra do Paraguai. Continue lendo →...
Derivativos da política!
A sociedade é um sistema de vasos comunicantes. Não haverá um mundo empresarial ético e um mundo político aético, ou vice-versa. Não há abuso de restrições legais e de ética de mercado se não houver cumplicidade entre empresários e políticos. Continue lendo →...
Crise de valores
Na crise não sobrevivem os mais fortes nem os mais inteligentes, mas os que conseguem responder às mudanças. Continue lendo →...
Pré-campanha!
No Brasil, o complexo eleitoral, composto pelos partidos e pela Justiça, fixou a ideia de que a pré-campanha é ilegal. Desta forma, enquanto os partidos denunciam seus adversários por fazerem pré-campanha, a Justiça Eleitoral os inibe com proibições e pun Continue lendo →...
« 1 2 3 4 5 »